quarta-feira, 3 de outubro de 2007

Desejo.


Da navalha que me corta
pinga o pavor de morrer
e renascer
por um amor único.
Queria saber minhas próximas palavras
mapear meu coração
para eu nunca mais sentir o medo
tirando-me o chão.

2 comentários:

Fefê disse...

=3

Jim disse...

mula ;3 amo voce