sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

O fim.


Não vou mais esperar

por você.

Vou jogar tudo fora

vou desmerecer.

Já apaguei meus rastros

do seu mundo

já calei todas as músicas

que eram nosso tema de fundo.

Acabou, realmente

Não me procure,

nem me tente.

Fechei minha vida

minha palavra de amor e ira

pra você.

Eu já fui. Agora, vá.

Que seja assim,

até quando durar.


3 comentários:

Jimnamite disse...

triste, mas verdadeiro <3
vc supera esse moleque rebi
bjão!
TE AMO HORRORES!

carmen disse...

Rebi, vira o disco...
Ninguém merece que a gente se arrebente por ele...

Mas não deixe a mágoa morar em seu coração, pois isto fará mal para você...

Tente perdoa-lo, e ruminar os pensamentos, ver no que será melhor mudar, o que falhou... Para que a próxima relação não leve destroços deste relacionamento!!!

Força!!!
bjs consoladores!

daveland disse...

Rebi... just let it go.

Lembra uma vez que escrevi, e depois conversamos sobre o trem que atravessava o deserto? Por mais que você tente, esse trem vai descarrilhar. Esse trem não vai adiante. Chega de insistir. Vá procurar outras ferrovias, outros trens que possam te levar ao seu destino.

Coloque uma pedra nesse assunto, e não se permita sofrer mais com isso. Esqueça as coisas ruins, e se necessário esqueça as boas e esqueça tudo. Não tenha medo de destruir os castelos ou os campos de margarida que você construiu, se isso vai servir pra te fazer bem.

Você precisa de um pouco de "zero virus" na sua vida. Porque a vida é sempre assim: tudo volta à estaca zero eventualmente, mas você estando cada vez mais forte e corajosa.

Se cuida.
Davi