quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Segundo coração partido.


Não
isso não foi um trovão.
Foi apenas um poeta
sofrendo
por mais uma
desilusão.

2 comentários:

Jimnamite disse...

:( parte o meu coracao te ver sofrendo...
te amo!

Dri~ disse...

São essas desilusões que fazem o poeta ...

Belo ^^