segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Nova semente

Eu me virei
e tudo mudou.
Tudo perdeu meta
e cor.
Nego para o mundo sua importância
mas atrás da minha arrogância
nenhuma flor renasceu
no jardim que um dia foi só seu.

4 comentários:

Jen disse...

Nossa,
que bonito.
vc escreve tãooo bem ;)

Diego disse...

:D Lindo!

Felipe Lucchesi disse...

Que poesia mais pura e bonita ! Gostei !!!

Gustavo Ferreira disse...

Pois é, nunca deixe muito espaço pra arrogância, oi

Mas então, eu vi seu recado no blog... na verdade a nova regra vai passar a ser válida a partir de 2009. Até lá pelos ainda tem acento, depois eles cortam (ehaueaheau... err, trocadilho infame u.u)

Mas é bom eu ir me acostumando desde já õ.ô

See ya \o

http://mergulhoazul.blogspot.com