quarta-feira, 2 de janeiro de 2008

Nada importa.

Troquei o preto
pelo branco
e tornei-me tola.
Fiz o reverso
e tornei-me
o que eu era.
Um poço de nada.

Um comentário:

Mei disse...

que triste Ç.ç
mas lindo...!
bjooos